A Embaixada de Portugal em Praga informa que a partir de hoje, 12 de julho, Portugal passa a integrar a lista de países considerados de alto risco (vermelho), devido ao aumento dos números de caso de COVID-19. Neste contexto, a entrada na República Checa de passageiros vindos de Portugal está condicionada a um teste PCR com resultado negativo feito no máximo com 72h de antecedência e preenchimento do Formulário de Localização de Passageiros, disponível em: https://plf.uzis.cz/  .

Após a chegada no país, é obrigatória a realização de isolamento profilático por 5 dias e de um novo teste PCR, posterior a estes 5 dias de isolamento. Os passageiros ficam dispensados do isolamento profilático após o resultado negativo deste segundo teste PCR.

Pessoas completamente vacinadas contra COVID-19, no mínimo há 14 dias, que possuam Certificado Europeu de Vacinação (com código QR) estão isentas da realização dos testes PCR (anterior e posterior à chegada na República Checa) e do isolamento profilático após a chegada na República Checa. O mesmo vale para pessoas que possuem certificado médico que comprove a doença nos últimos 180 dias.

Informações completares, em língua inglesa, disponíveis no site do Ministério do Interior da República Checa através do link: https://www.mvcr.cz/mvcren/article/coronavirus-information-of-moi.aspx .

fdhd

 

Imagem dospinível no site do Ministério da Saúde da República Checa em: https://koronavirus.mzcr.cz/seznam-zemi-podle-miry-rizika-nakazy/  

  • Partilhe